Executando máquinas virtuais diretamente no GDM


Nessa veremos como executar máquinas virtuais criadas com o VirtualBox diretamente no GDM.

Não testei em outros login managers como o KDM, Slim ou LXDM mas acho que deve funcionar em todos eles.

Iniciando… criaremos um arquivo .desktop em /usr/share/xsessions com o nome da nossa VM, nesse exemplo utilizarei a DebianCUT que criei quando fiz o primeiro artigo desse blog:

$ sudo nano /usr/share/xsessions/debiancut.desktop

Conteúdo do arquivo:

[Desktop Entry]
Name=debiancut
Comment=Debian CUT (Constantly Usable Testing) no VirtualBox
Exec=/usr/local/bin/vbox-debiancut
Icon=
Type=Application

Salvamos e fechamos o arquivo com Ctrl+O e Ctrl+X  e partimos para a criação dessa vez em /usr/local/bin do script que chamará o aplicativo VBoxSDL:

$ sudo nano /usr/local/bin/vbox-debiancut

Conteúdo do arquivo:

#!/bin/sh
# com a opção -vm a máquina virtual será executada da forma tradicional.
# VBoxSDL -vm "DebianCUT"
# com a opção abaixo a máquina virtual será executada em tela cheia.
VBoxSDL --fullscreen -vm "DebianCUT"

Da mesma forma que no 1º passo salvem e fechem o script com Ctrl+O e Ctrl+X, e a seguir damos permissão de execução para o mesmo:

$ sudo chmod a+x /usr/local/bin/vbox-debiancut

Feito isso basta dar um logout na sessão e testar o procedimento.

Espero que tenham gostado, pois considero isso uma grande vantagem sobretudo para aqueles que não tem partições suficientes para a realização de novas instalações.

Fontes consultadas.

http://ubuntuforums.org/showthread.php?t=875284 
http://www.quicktweaks.com/2008/10/14/run-your-virtual-os-directly-from-gdm-in-ubuntu/

Anúncios
Executando máquinas virtuais diretamente no GDM

7 comentários sobre “Executando máquinas virtuais diretamente no GDM

  1. Interessantíssimo! Eu nunca nem tinha pensado em iniciar uma máquina virtual pelo GDM. Só não vou ir mais à fundo porque a memória RAM do meu PC não anda ajudando muito.. mas assim que possível, tentarei configurar para rodar o CentOS numa máquina assim e então poder testar os pacotes rpm que mantenho nessa distros também.Nota 10!

    Curtir

  2. Tatu, Elder e dualshoott;obrigado pelos comentários, acho que usando o VirtualBox dessa forma temos uma alternativa a não realizarmos tantos processos de instalações seja no próprio VirtualBox ou fisicamente… isso se tivermos espaço em disco para esse último caso.um abraço.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s