LibreOffice 4.1.3 no Fedora 19


Dica sobre a instalação da última versão do LibreOffice, a 4.1.3 no Fedora19.

Baixando e instalando a versão x86 (i386):

$ wget http://tdf.c3sl.ufpr.br/libreoffice/stable/4.1.3/rpm/x86/LibreOffice_4.1.3_Linux_x86_rpm.tar.gz
$ wget http://tdf.c3sl.ufpr.br/libreoffice/stable/4.1.3/rpm/x86/LibreOffice_4.1.3_Linux_x86_rpm_langpack_pt-BR.tar.gz
$ wget http://tdf.c3sl.ufpr.br/libreoffice/stable/4.1.3/rpm/x86/LibreOffice_4.1.3_Linux_x86_rpm_helppack_pt-BR.tar.gz
$ tar -zxf LibreOffice_4.1.3_Linux_x86_rpm.tar.gz 
$ tar -zxf LibreOffice_4.1.3_Linux_x86_rpm_langpack_pt-BR.tar.gz 
$ tar -zxf LibreOffice_4.1.3_Linux_x86_rpm_helppack_pt-BR.tar.gz 
$ sudo rpm -ivh LibreOffice_4.1.3.2_Linux_x86_rpm/RPMS/*
$ sudo rpm -ivh LibreOffice_4.1.3.2_Linux_x86_rpm_langpack_pt-BR/RPMS/*
$ sudo rpm -ivh LibreOffice_4.1.3.2_Linux_x86_rpm_helppack_pt-BR/RPMS/*
$ rm -rfv LibreOffice_4.1.3.2_*

Baixando e instalando a versão x86_64 (amd64):

$ wget http://tdf.c3sl.ufpr.br/libreoffice/stable/4.1.3/rpm/x86_64/LibreOffice_4.1.3_Linux_x86-64_rpm.tar.gz
$ wget http://tdf.c3sl.ufpr.br/libreoffice/stable/4.1.3/rpm/x86_64/LibreOffice_4.1.3_Linux_x86-64_rpm_langpack_pt-BR.tar.gz
$ wget http://tdf.c3sl.ufpr.br/libreoffice/stable/4.1.3/rpm/x86_64/LibreOffice_4.1.3_Linux_x86-64_rpm_helppack_pt-BR.tar.gz
$ tar -zxf LibreOffice_4.1.3_Linux_x86-64_rpm.tar.gz 
$ tar -zxf LibreOffice_4.1.3_Linux_x86-64_rpm_langpack_pt-BR.tar.gz 
$ tar -zxf LibreOffice_4.1.3_Linux_x86-64_rpm_helppack_pt-BR.tar.gz 
$ sudo rpm -ivh LibreOffice_4.1.3.2_Linux_x86-64_rpm/RPMS/*
$ sudo rpm -ivh LibreOffice_4.1.3.2_Linux_x86-64_rpm_langpack_pt-BR/RPMS/*
$ sudo rpm -ivh LibreOffice_4.1.3.2_Linux_x86-64_rpm_helppack_pt-BR/RPMS/*
$ rm -rfv LibreOffice_4.1.3.2_*

Este slideshow necessita de JavaScript.

enjoy!

Anúncios
LibreOffice 4.1.3 no Fedora 19

14 comentários sobre “LibreOffice 4.1.3 no Fedora 19

  1. Roberson disse:

    Aproveitando a deixa, estou querendo instalar o Fedora em meu notebook, até agora usei distros baseadas em Debian e o proprio Debian, como está o Fedora 19 esta estável ou tem algum problema, quem usou ele poderia me falar sobre ele. Pretendo fim do ano trocar…

    Curtir

    1. edps disse:

      Esse negócio de estável, para mim depende mais do usuário que do sistema, até mesmo o Ubuntu sobre o qual meio mundo desce o malho se comporta tão bem como o próprio Debian (apesar que seus repos e o próprio APT sejam uma carroça!).

      Ubuntu e Fedora para mim pecam numa coisa: releases de 6 em 6 meses, se quer testar uma RPM realmente “estável” e sem frescuras use o openSUSE.

      * Mageia e Mandriva não posso opinar porque nunca sequer testei, mas já usei o jurássico e extinto Mandrake.

      Curtir

      1. Roberson disse:

        Pergunta besta, o openSUSE é uma distribuição baseada em alguma outra ou ela tem sua própria empresa que mantém esta distribuição (não me xingue em, só quero saber kkk) estive no site da openSUSE. Essa dúvida ficou pelo seguinte, disse para mim testar uma RPM e pelo pouco que sei rmp são distros baseadas na red hat como Fedora, CentOS. Me falaram que o Fedora ele é bem rápido, e pra não utilizar distros que são normalmente para servers como Debian CentOS, usar como desktop dia a dia, pois são lentas.

        Usava ubuntu a uns tempos atrás, mas não fiquei atualizando a cada 6 meses, parei na versão 12.04 que era a LTS. Agora uso Debian 7 64 bits apesar do meu notebook ter configuração boa, notei que ele e um tanto lento.
        Fedora existe alguma versão que seja LTS, parecido com Ubuntu 12.04?
        Em questão de rapidez, OpenSUSE e rápido ou pode demorar.

        Quem não sabe e quer aprender, pergunta ao mestre Edps!!!

        Curtir

      2. edps disse:

        Vamos por parte como segue a cartilha do meu amigo jack, o estripador! rs

        Inicialmente o openSUSE (na verdade o SUSE Linux) era baseado no Slackware, depois adotou o sistema de pacotes RPM e hoje tanto o SEL SuSE Enterprise Linux ou a versão da comunidade o openSUSE não são baseadas em qualquer distro, alguns RPMs podem ser instalados tanto no Fedora, como no openSUSE e só isso.

        Aqueles que dizem que distros destinadas a servidores não servem para desktops são uns idiotas! apenas dão mais trabalhos para configurar que um Ubuntu ou Linux Mint que praticamente já vem prontos a esse propósito (embora cheias de firulas).

        Pelo que eu saiba o Fedora não oferece versão LTS, nem mesmo sei se o openSUSE oferece, mas me surpreendi com a rapidez e leveza do openSUSE com KDE e a possibilidade de usá-lo como uma distro rolling-relase:

        http://gnutwoall.wordpress.com/2013/07/12/how-to-de-instalacao-do-opensuse-kde-12-3/
        http://gnutwoall.wordpress.com/2013/07/13/pos-instalacao-do-opensuse/
        http://gnutwoall.wordpress.com/2013/07/22/tumbleweed-o-opensuse-rolling-release/

        Curtir

  2. Se o amigo Edinaldo me dá licença eu respondo ao amigo Roberson.
    O openSUSE hoje é independente. Teve ferramentas importadas do Red Hat há muito tempo mas hoje segue uma linha propria atualmente embora use os pacotes rpm. A empresa por trás disso é a Novell que faz e vende o SUSE Linux Enterprise e o SUSE Linux Desktop, versões comerciais e com suporte pago. O openSUSE é a versão livre e mantida pela comunidade (apesar de 10 funcionários da Novell que trabalham nela também). Quanto a velocidade depende do hardware. Eu uso o openSUSE com Kde e vários efeitos e roda bem. O processador é um Core I3 e 4GB de memória.

    Abraços!

    Curtir

      1. Dois minutos entre uma resposta e outra…rsrsrs…tempo de atualizar a página. Só mais uma informaçaõ ao Roberson. Caso queira experimentar o openSUSE sugiro esperar até o dia 19 de novembro quando será lançado o openSUSE 13.1. Essa versão terá seu suporte estendido pela comunidade pois será incluído no projeto Evergreen quando o suporte oficial acabar.

        Curtir

      2. Roberson disse:

        Como diz o Faustão ” Ooo loko bixo só tem fera aqui meu ” Valeu Fabio e Edps pelas explicações. A configuração do meu também é um i3 segunda geração, 4GB de RAM. Pretendo trocar de distro em dezembro que é quando estou de férias e assim posso fazer backup antes dos meus tantos GB de arquivos, até lá pensarei sobre as distros Fedora e openSUSE, grato pela explicação do openSUSE.

        Thank you and have a nice weekend for you friends.

        Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s