Novidades no openSUSE


Depois de algum tempo sem postar, trago aqui algumas notícias e novidades a respeito dessa distro Linux que uso, gosto e recomendo para iniciantes.Assim como ocorreu entre o lançamento da versão 11.1 e 11.2, a primeira ocorrida em 18 de dezembro de 2008 e a segunda em 12 de novembro de 2009 (quase um ano depois), o openSUSE novamente passa por algumas reformulações a fim de obter um melhor caminho para o desenvolvimento dessa distro.

Naquela época a discussão era por causa do calendário de lançamentos, feito a cada 6 meses como a maioria das distros. Muitos questionaram o tempo ser muito curto e por fim ficou decidido que o calendário passaria a ser de 8 meses. Ganhava-se aí, algum tempo de folga para a equipe pois haveria anos com dois lançamentos mas haveria anos também com apenas um lançamento. E esse prazo de 8 meses não seria fixo. Havendo necessidade, poderia ser prorrogado ou antecipado conforme a necessidade. E essa flexibilidade será aplicada agora, com o lançamento da versão 13.2, exatamente um ano depois da versão 13.1 por causa das novas mudanças que acontecerão.

Atualmente a equipe (e só a equipe) do openSUSE (leia-se os funcionários da SUSE cedido ao projeto) está trabalhando nas ferramentas “sob o capô” da factory  para que o mesmo possa ser melhor utilizado. Essas ferramentas, a saber, são o openSUSE Build Service (onde o openSUSE é construído) e o openQA (onde são feitos os testes automáticos). Por isso, por causa de uma interpretação incorreta das notícias onde afirmavam que a versão 13.2 poderia não ser lançada devido a essas mudanças, alguns usuários pensaram que a distro acabaria, o que não é verdade. Assim, a fim de esclarecer a comunidade, foi estabelecido que:

Haverá o openSUSE 13.2 em novembro de 2014
A versão 13.2 terá suporte de manutenção e atualizações de seguranças fornecidas pela SUSE
A SUSE não está diminuindo a quantidade de funcionários no projeto e sim realocando-os para trabalhar em partes específicas (como é o caso da factory)
Todos da comunidade são bem-vindos e encorajados a ajudar no projeto

Para mais detalhes, segue o link da notícia:  https://lizards.opensuse.org/2014/02/03/trying-to-add-some-light/

No link acima lê-se que o primeiro marco desse novo lançamento seria em maio, mas para minha surpresa, ele foi lançado ontem, 20 de março, intitulado “Milestone 0”, indicando um “marco zero” no desenvolvimento dessa distro. Entre as primeiras novidades está o uso do Btrfs como sistema de arquivos padrão. Eu já uso o openSUSE desde a versão 12.3 com esse novo sistema de arquivos e, ao menos nos meus testes, ele tem se comportado bem. Até o SUSE Linux Enterprise já o adotou como padrão, “pulando o Ext4” (apesar de oferecer suporte a ele normalmente) passando do Ext3 para o Btrfs.

Outras novidades e melhorias podem ser vistas aqui: https://news.opensuse.org/2014/03/19/development-for-13-2-kicks-off/

Para download dessa versão experimental, acesse: http://software.opensuse.org/developer/pt_BR

Obviamente trata-se de uma versão experimental sujeita aos mais variados tipos de bugs. Mas para os entusiastas e usuários dessa distro é uma boa oportunidade de ver como as coisas andam no desenvolvimento do openSUSE.

Até a próxima!

Anúncios
Novidades no openSUSE

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s