Skippy-XD, um alternador de janelas interessante


E hoje demonstrarei como compilar ou empacotar o Skippy-XD em seu Debian ou em qualquer distro, desde que as dependências para a compilação estejam satisfeitas.

E dessa vez o gajo é o tal do skippy-xd, um pequeno alternador de tarefas em modo full-screen, compatível com XFCE, LXDE, OpenBox, FluxBox, vejamos como instalá-lo:

Arch Linux.

$ wget https://aur.archlinux.org/packages/sk/skippy-xd-git/skippy-xd-git.tar.gz
$ tar -xf skippy-xd-git.tar.gz
$ cd skippy-xd-git
$ makepkg -si

Debian, Ubuntu e derivados.

$ sudo apt-get update
$ sudo apt-get install libimlib2-dev libfontconfig1-dev libfreetype6-dev libx11-dev libxext-dev libxft-dev libxrender-dev zlib1g-dev libxinerama-dev libxcomposite-dev libxdamage-dev libxfixes-dev libxmu-dev git checkinstall
$ git clone https://github.com/richardgv/skippy-xd
$ cd skippy-xd
$ make
$ sudo make install

E para os que desejarem empacotá-lo com o checkinstall, troque o comando sudo make install por:

$ sudo checkinstall -D --install=no
$ sudo dpkg -i skippy-xd_*.deb 

Abaixo segue a configuração das informações do programa que usei no checkinstall:

0 -  Maintainer: [ seu_email_aqui!!! ]
1 -  Summary: [ Standalone composited window picker (displays all your windows at once, with live previews). ]
2 -  Name:    [ skippy-xd ]
3 -  Version: [ 0.5.1~hg ]
4 -  Release: [ ignore!!! ]
5 -  License: [ ignore!!! ]
6 -  Group:   [ ignore!!! ]
7 -  Architecture: [ ignore!!! ]
8 -  Source location: [ skippy-xd ]
9 -  Alternate source location: [ignore!!!  ]
10 - Requires: [ignore!!!  ]
11 - Provides: [ skippy-xd ]
12 - Conflicts: [ ignore!!! ]
13 - Replaces: [ ignore!!! ]

Configuração.

Prossiga assim:

$ mkdir -pv ~/.config/skippy-xd
$ cp -av skippy-xd.sample.rc ~/.config/skippy-xd/skippy-xd.rc

Adicione o Skippy-XD à inicialização de seu OpenBox, isto se faz no arquivo ~/.config/openbox/autostart

## Skippy-XD.
skippy-xd --start-daemon &

E no arquivo ~/.config/openbox/rc.xml, troque as linhas:

    <!-- Keybindings for window switching -->
    <keybind key="A-Tab">
      <action name="NextWindow"/>

por:

    <!-- Keybindings for window switching -->
    <keybind key="A-Tab">
      <action name="Execute">
        <execute>skippy-xd --activate-window-picker</execute>

Reinicie seu OpenBox e quando houverem janelas abertas, ao teclar ALT+TAB (ou a combinação de teclas que você preferir) você verá algo parecido com isto:

Clique na janela desejada ou tecle ESC para sair.
Clique na janela desejada ou tecle ESC para sair.
e aqui uma imagem mais light
e aqui uma imagem mais light

Ubuntu e seus derivados.

$ sudo add-apt-repository ppa:landronimirc/skippy-xd-daily
$ sudo apt-get update
$ sudo apt-get install skippy-xd

Referência:

How To Install Skippy-XD 0.5.1 On Ubuntu 14.04, Ubuntu 12.04 And Derivative Systems, All Using Either LXDE Or XFCE

Além do modelo acima, pacotes .debs (não testado no Debian), estão disponíveis no endereço abaixo:

download Skippy-XD

Outros ambientes.

Para usá-lo em outros ambientes como o XFCE, LXDE ou FluxBox, sugiro uma lida nos artigos abaixo:

Exposé in Debian Linux XFCE

Skippy @ Ubuntu Wiki

Skippy-XD Setup Guide

Skippy-XD: Expose-Like Window Picker For Xfce, LXDE, Etc

OpenBox Keyboard bindings @ OpenBox Guide

IntÉ!

Anúncios
Skippy-XD, um alternador de janelas interessante

9 comentários sobre “Skippy-XD, um alternador de janelas interessante

    1. edps disse:

      Não sei dizer, mas acho que se modificar as configurações de teclado ( skippy-xd –activate-window-picker) é possível, daí bastaria adicioná-lo na inicialização do ambiente ( skippy-xd –start-daemon ). Aqui uso somento OpenBox, por isso citei algumas referências no fim da dica.

      Curtir

  1. Puxa, vc parece comigo, EDPS, vc gosta de testar pacotes, gosta de muito tocadores diferentes, vc gosta comandos, mas também gosta interfaces gráficas, várias, vc gosta de simplicidade, tipo os “box”, mas também gosta de firulas.
    Parece bem eclético, como eu.

    Curtir

    1. edps disse:

      É verdade Alberto, gosto de empacotar, compilar e instalar pacotes, mas mais ainda de ter um ambiente ao meu gosto, coisa que só consigo no OpenBox, que fora a praticidade de não ser engessado como outros ambientes ainda é leve e rápido.

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s