How-To :: unificando as pastas de configs no Chrome, Chromium e derivados


Em mais uma dica besta deste que vos escreve, demonstrarei como unificar as configurações de todos os navegadores Chrome|Chromium-based num só local.

Tendo observado que toda essa turminha de navegadores baseados no Chrome|Chromium utiliza o mesmo esquema em suas pastas de configurações, tive a ideia de modificar um pouco as coisas… então, … quase como um raio? rsrs descreverei como unificar as pastas desses navegadores e um pouco mais.

Na tradicional pasta ~/.config, eu tenho aqui as seguintes pastas: google-chrome, google-chrome-unstable, vivaldi e vivaldi-snapshot, sendo que dessas quatro, é apenas em google-chrome-unstable e vivaldi-snapshot que arquivos são guardados, pensei então no seguinte: se basicamente os arquivos presentes numa pasta são os mesmos na outra porque não remover uma delas criando um link para a que foi removida? para tal procedi assim:

Se você não é pedra, estando mais para marisco >>> simplesmente mova a pasta (pra depois não vir aqui chorar o leite derramado):

$ mv ~/.config/google-chrome ~/.config/google-chrome-backup
$ mv ~/.config/vivaldi-snapshot ~/.config/vivaldi-snapshot-backup

Do contrário, faça assim:

$ rm -rf ~/.config/{google-chrome,vivaldi-snapshot}

A seguir, crie os novos links:

$ ln -sf ~/.config/google-chrome-unstable ~/.config/google-chrome
$ ln -sf ~/.config/google-chrome-unstable ~/.config/vivaldi-snapshot

* como muito provavelmente você não usa o google-chrome-unstable, quiçá o vivaldi-snapshot! rsrs, portanto sugiro que verifique qual é a pasta do chrome|chromium presente lá em ~/.config, se é ~/.config/google-chrome, ~/.config/chromium ou alguma coisa estranha que essas bestas inventarem, provavelmente será uma das duas, então, tome-a como base para criar o tão sonhado link simbólico:)

Alguns exemplos:

$ ln -sf ~/.config/google-chrome ~/.config/opera-stable
$ ln -sf ~/.config/google-chrome ~/.config/opera-beta
$ ln -sf ~/.config/google-chrome ~/.config/opera-developer
$ ln -sf ~/.config/google-chrome ~/.config/vivaldi
$ ln -sf ~/.config/google-chrome ~/.config/vivaldi-snapshot
$ ln -sf ~/.config/chromium ~/.config/opera-stable
$ ln -sf ~/.config/chromium ~/.config/opera-beta
$ ln -sf ~/.config/chromium ~/.config/opera-developer
$ ln -sf ~/.config/chromium ~/.config/vivaldi
$ ln -sf ~/.config/chromium ~/.config/vivaldi-snapshot
demonstração dos links criados
demonstração dos links criados
tamanho ocupado pelas pastas
tamanho ocupado pelas pastas

E pronto! desde que os referidos programas não sejam executados ao mesmo tempo (por causa da gravação nos arquivos, convém não executá-los), até agora não tive nenhum problema, aconteceu até dos marcadores do Speed Dial do Vivaldi aparecerem no Chrome! rsrs

Links do SpeedDial do Vivaldi visto no Google Chrome
Links do SpeedDial do Vivaldi visto no Google Chrome

Observem que na imagem abaixo, enquanto escrevo esta dica no Vivaldi é a pasta google-chrome-unstable que aparece em ~/.cache:

pasta de cache utilizada
pasta de cache utilizada

Vantagens?

Uma das vantagens ao usar desse artifício (além do espaço em disco economizado) é que uma mesma página aberta num navegador quando o for em outro, sua abertura ocorrerá quase que de forma instantânea (e já que a única coisa de instantânea que conheço nessa classe de navegadores atende pelo nome de: RAIVA! qualquer segundo ganho já é lucro), ganha-se tempo quando o conteúdo da mesma não tenha sido modificado, portanto já estará em cache e desde que você também não tenha usado o BleachBit ou outro programa de limpeza né?.

Proxy

Outra coisa que poderá fazer com que essa carroça chamada chrome|chromium ou derivado abra mais rápido suas páginas é com a utilização de um Proxy para cache, que no meu caso é o SQUID.

Antigamente podíamos utilizar o chrome|chromium apenas adicionando uma opção extra ao seu lançador, localizado em /usr/share/applications, coisa que já falei aqui:

Proxy no Chrome / Chromium em outros WMs

E que tem uma outra alternativa aqui:

Configurando o Chromium para utilizar proxy

Mas testando aqui no Slackware, que não possui o /etc/default/chromium ou /etc/google-chrome/default, não adiantou adicionar – -proxy-server=”127.0.0.1:3128″ ao lançador dos navegadores (google-chrome-unstable e vivaldi-snapshot), a solução que encontrei foi instalar a extensão Proxy SwitchySharp:

Proxy SwitchySharp

E como dito, estando as pastas unificadas, a extensão funcionará em ambos os programas, que fora isso compartilham cache, cookies, etc, vejam abaixo o Proxy Squid em funcionamento:

Vivald Snapshot rodando sobre o SQUID no Slackware
Vivald Snapshot rodando sobre o SQUID no Slackware

* vejam que o texto selecionado na janela do terminal equivale à minha screenshot enviada ao VOL e vista no navegador Vivaldi.

Provavelmente esta utilização de links para a unificação de pastas, também vale para o novo Opera e toda e qualquer joça baseada no Chrome|Chromium.

IntÈ!

Anúncios
How-To :: unificando as pastas de configs no Chrome, Chromium e derivados

Um comentário sobre “How-To :: unificando as pastas de configs no Chrome, Chromium e derivados

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s